Letra do samba-enredo 2020

Confira o samba-enredo
Samba-enredo: Celebrando bodas de prata, Boca Suja te convida para sambar. É canto, é raça, é tradição e o samba em evolução

Compositores: Boi e Rozan

É muito mais do que paixão
É canto, é raça, é tradição
Lá vem Boca Suja, cantando de bem com a vida
Seus vinte e cinco anos, de apoteose na avenida

O meu sonho valeu ouro e conquistou geral
Nasceu no bairro Poção, o bloco inovação do carnaval
O Mixto... é minha vida eterna inspiração
É preto e branco, as cores do meu pavilhão
A grande fábrica dos sonhos, nunca vai parar
Nossa corrente é forte e jamais quebrará

Minha terra é de bamba, igual não há
Zona norte e o aconchego, meu CPA
Você pode não gostar, mas tem que respeitar
O maior campeão de Cuiabá

Viajei
Do Rio fui ao Egito
Em Vila Bela raiou, a liberdade do infinito
A noite cuiabana me encantou
Na avenida encontrei meu grande amor
Busquei a fé, seguindo procissão
E lutei pelos direitos, defendendo minha nação
Foram tantos desfiles geniais, essência dos nossos carnavais
Que nunca prejudicou ninguém para trilhar sua história
Eu sou a resistência do samba, madeira que cupim não rói
Minha galera dá show na palma da mão.